h1

Domina

13 abril, 2007


(Ilustração de Boris Valejo, mestre da arte de fantasia, assim como Frank Frazetta – ambos capistas consagrados de Conan, O Bárbaro)

Eu sou uma das pessoas mais corajosas que conheço.

E não falo isso para me gabar, não, embora alguns achem que sim… bem, foda-se.

Falo isso porque só eu tenho a real dimensão de meus próprios medos.

E eles não são poucos.

Mas os enfrento, dia após dia, um a um.

Sem cessar. Sem esmorecer.

Só quem sabe de onde vim, o que passei e os demônios que preciso exorcisar diariamente têm idéia do que falo.

Para o resto,  isso tudo é só balela.

Mas o resto…é só o resto.

Sou cuspida todos os dias na arena de meus fantasmas particulares, onde enfrento temores que me rodeiam, atentos, felinos, feito bestas-feras famintas, constantemente instigadas por aqueles que desejam meu fim.

Às vezes atravesso o espaço empertigada e confiante… olhando-os de frente…

Em outras, passeio calmamente entre eles, alheia, inconseqüente.

Mas sempre sigo em frente.

Nunca, jamais fui paralisada ou devorada por eles.

Nem nunca serei.

Não enquanto houver vida em mim.

5 comentários

  1. Achei muito bonito e bem escrito. Mas estou meio lento, é sexta-feira 13 após o almoço no boteco.

    Se for para reafirmar sua verdade enquanto mulher forte, fez bem. Se foi para me dar forças, obrigado.
    Acredite: não desisti.

    Não desisto nunca, nunca mesmo.
    Se bobear não vou desistir nem quando eu cair pra trás.

    Só estou um pouco cansado, por isso dou umas expiradas fortes e limpo a testa pra continuar subindo a montanha. Mas vou subir.

    Afinal estou meio lento, é sexta-feira 13 após o almoço no boteco.
    😉


  2. Nenhuma das duas coisas.

    Foi só uma constatação, sobre meus demônios pessoais…

    Mas se te deu força, que bom.

    Te amo


  3. “Mas sempre sigo em frente” –>🙂
    vc é uma pessoa das mais corajosas que conheço!
    continue assim, vc inspira muita gente, como eu por exemplo!
    graaaaande pequenininha!


  4. adorei te ver ontem…

    foi ótimo, né?

    um bjao e boa semana querida menina corajosa!!

    PS: a Doris Giesse quase caiu no meu quintal no domingo….ela mora do meu lado no Sumaré….

    eu ouvi o barulho dela caindo….bizarro.


  5. Enquanto houver um pouquinho de humanidade na gente, teremos medos. E admitir que os temos é coragem o suficiente… coisa meio budista essa, não é?

    Mas é isso aí, os medos estão aí para serem superados!



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: