h1

Casar continua sendo bom…(apesar da propaganda contra)

20 julho, 2007

Continuando minha série de conselhos inúteis para casadoiras ou pessoas que desejam ter um relacionamento estável e duradouro:

8 – Combinado não é caro (atenção!): AS ÚNICAS REGRAS NUM CASAMENTO SÃO AQUELAS QUE O CASAL ESTIPULA.

É isso mesmo. Ao contrário do que a sociedade e as religiões insistem, o casamento ou a relação estável, não é uma instituição engessada e imutável. 

É um relacionamento entre duas pessoas diferentes,  com cargas emocionais e criação muitas vezes opostas, problemas, traumas, idiossincrasias e que, apesar disso tudo, ainda acham que podem se tornar pessoas melhores e felizes convivendo, trocando experiências, aprendendo, crescendo e sendo companheiros.

Portanto, se para muitos casais, a suruba, casamento aberto, serem swingers, morar em casas separadas, dormir em quartos separados, ter duas privadas no banheiro para cagarem em união, roubar comida do prato um do outro, não ter filhos, ter pencas de filhos, morar no interior sem luz elétrica, morar no Centro de São Paulo ou adotar qualquer outro tipo de filosofia de vida e de regras próprias para o relacionamento foi algo perfeitamente combinado entre eles e todos vivem felizes com isso, questionar o modo de vida dos outros NÃO É DA CONTA DE NINGUÉM.

Aí o problema é quando um ou outro foge ao combinado. Quanto a isso, ler parágrafo – “Todo mundo briga”…

Aprendam e se meter com a própria vida e sejam realizados e felizes  com o que lhes cabe nesta existência. Tenho dito.

9 – Compromisso não é prisão, é escolha.

Se tem uma coisa que espanta qualquer um que pense em casamento, é o tal do “compromisso”. Na minha opinião, ele se encaixa no tópico acima: é um combinado feito entre casais. Se vocês combinaram serem fiéis um ao outro e uma das partes (ou ambas, vai saber? Mas aí é caso de mudar o combinado, certo?) simplesmente NÃO CONSEGUIR, então é questão de se conversar, e muito. E se perguntar sobre o rumo da sua vida e do outro.

Acho que pelo simples fato de se encarar o compromisso como sendo escolha e não algo imposto já ameniza bastante sua carga. Muito do “peso” atribuído ao casamento vem de  lendas e  exemplos de uniões infelizes. Dividir´a vida com alguém é difícil, sim, óbvio. Mas viver só também é. É questão de balancear os prós e contras e ver o melhor para os dois. Viver com alguém, ou viver só. Vai de cada um.

Invente, tente, faça um casamento diferente. Existe felicidade e vida pós-casamento. Você nunca vai descobrir se não tentar.

7 comentários

  1. Gabyyyyyyyyyyyyyyyyyyyyyyyyyyyy!!!
    Quero casar!!!
    Tópicos anotados para, quem sabe, fazer dar certo! hehe
    A dos tuppewares foi ótimo!!!! hahaha Adoreiiii!!!


  2. Cuidado, tu vai virar consultora do iTodas.. 😉

    beijo…


  3. Mandou muitíssimo bem em todos os conselhos, dicas e alertas…rs, dá vontade de experimentar.
    Vou ver se rola e depois te conto. Bjs!


  4. essa série está sensacional.


  5. ahhhh adorei essa série de posts!!! É verdade, muito do que escuto são histórias melodramáticas e decadentes sobre casamento. Estou casada e tenho a sensação de viver uma monogamia libertária.
    Delícia de viver ( de aprender a lidar com todos os “pesares” e a nos virar com o cotidiano!!)
    que bom.

    =*


  6. bacanas os conselhos..
    ótemo encontrar vc, está lindona like always..
    esse tal de casório realmente ta te fazendo um beeem..
    simpáticão o tarsis, faz ‘a sua linha’! adorei mesmo!
    parabéns…!!!
    eu acho tudo isso de dicas um barato e tudo mto válido… mas pra mim mesmo sendo uma coisa que tenho vontade de experimentar rola um bloqueio pra deixar isto pra um pouco depois sabe?
    rs…
    mas quem sabe né?
    bjao!
    p.s. recebi seu torpedo, vamos marcar!


  7. A “dos tuppewares” foi ótimo um cacete, Dani!
    Queria ver se fosse na TUA cabeça…

    :S

    Acho que dá pra lançar um livro, fácil

    😀



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: