h1

O passarinho me contou…

13 abril, 2009

A cada dia que passa sinto menos necessidade de blogar.

Tem muita gente reclamando pq eu estou meio que trocando o blog pelo Twitter – sim, dei o braço a torcer depois de praticamente quase todos os meus amigos me encherem o saco por quase dois anos – e vou te dizer, malandro, é outra coisa.

Me identifiquei muito mais mais com o twitter do que com um blog: Twitter é muito mais dinâmico, muito mais desafiador (140 caracteres para alguém verborrágico como eu, não é mole não), muito mais “social” – é como um msn gigante, com a vantagem de poder debater e trocar idéias com pessoas com quem você nunca imaginaria que pudesse um dia chegar a conversar – Fora que é uma troca de informações tão grande, tão grande, é descomunal, é animal. Em 5 minutos de twittadas você é capaz de receber uma média de 10 links diferentes, que talvez demorassem meses para te alcançar por vias comuns como e-mail ou algum amigo do msn. E são links diversos. Tanto utilíssimos quanto nonsense.

Twittar é estar em sintonia com minha linha de pensamento: é ser rápido, ágil, sarcástico, informativo, objetivo, sem muitas papas na língua (ou na ponta dos dedos) é trocar idéias improváveis, com desconhecidos, é ouvir opiniões diversas é conectar-se à Matrix.

Como meu objetivo nunca foi ser uma starlet da blogosfera (nem de mídia alguma, diga-se de passagem) não estou lá muito preocupada com  pageviews, leitores desolados, prestígio virtual (eu adoro Prestígio, aquele da Nestlè… é meu predileto!) ou qq coisa que o valha (ou que não valha nada) nesta world wide web.

Portanto, daqui por diante, só vou postar neste ínfimo espaço em último caso, se não conseguir exprimir minhas idéias com apenas 140 caracteres.

Fora isso, meet me at Tweeter.

Pra dizer a verdade a internet anda me cansando deveras, então, tudo o que for capaz de diminuir o tempo que gasto presa à ela, vai ganhar minha simpatia imediata : )

Au revoir!

4 comentários

  1. boa sorte. Nos vemos por lá


  2. Hum… eu to tentando aprender ainda as coisas do twitter… mas to levando… heheheeheh


  3. Sacanagem, Gabs, vc solta esse texto desencantado a blogagem, falando que o FnE será posto na geladeira e ainda sai elogiando o twitter, justo antes de um post (que tá difícil de sair, ô parto!) em que pretendo escrever umas poucas linhas (falando não muito bem) sobre este último…😉

    E agora, faço o quê além de juntar-me ao grupo dos leitores desolados, hein?, sniff!!

    Beijos do vizinho de condomínio, em 437 caracteres com espaços…


  4. Vê lá, vê lá… O twitter é mais dinâmico, pá e talz, tem todas as malandragens e belezas que anunciaste mas como um “documento” de sua passagem por esta fortuita existência, muito mais etéreo.

    Lá, você descarrega e absorve montanhas de pensamentos. Aqui você os ordena, depois de selecionados e digeridos. Uma bela combinação.

    Abraço fraterno, e nos vemos, lá e aqui, espero.



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: