h1

A última fronteira

21 maio, 2009

 

Mulherzinhas modernas se gabam de ter conquistado o mundo: ganham mais do que homens, são PHD’s e  tem MBA’s, carros caríssimos, jóias, sapatos, iates, apartamentos, uma vida social agitadíssima, são cultas, viajadas, vividas, donas do próprio nariz, descoladas, e etc, mas ainda não romperam a última fronteira: não pensam como homens.

E isso, minhas amigas, fode com tudo o que elas conquistaram até hoje.

Porque, o que adianta você estar no topo do mundo se sua cabeça continua no fosso da paranóia eterna?

Sim, porque a mulher ainda não deixou de ser paranóica e provavelmente nunca vai deixar. E queridas, com certeza é isso que as impede de conquistar, finalmente, a supremacia.

Tô afim de lancer um livro, desses vagabundinhos, tipo manuais de auto-ajuda.

Já tenho até o título: “Pense como um Homem – A mulher, rompendo a última fronteira.”

E vai ter dicas práticas, do tipo:

1- Esqueceu de pegar o filho na escola? Não tem problema, fique calma. Você não é uma péssima mãe por isso! Simplesmente estava totalmente aterafada e buscar o filho foi um mero detalhe que passou batido! Fique tranquila, as tias da escola vão ligar pra você e vai ficar tudo bem, ligue o rádio e sintonize uma estação onde o campeonato estadual esteja sendo transmitido.

 

2- Não tem nada pra comer em casa? Também não entre em pânico, apenas chame uma pizza. Tudo bem que ontem e anteontem você também chamou, ao menos varie no sabor. Não pense em calorias muito menos numa dieta saudável. NUNCA. Pense apenas no prazer de saborear a pizza, beber um refrigerante enquanto zapeia feito louca a televisão. E acaba no canal de esportes.

 

3- Ele quer ir ao cinema, ao show ou ao aniversário da sobrinha no sábado? Nem pensar! Sair com as amigas é SA-GRA-DO. Diga pra ele que o relacionamento de vocês não vai dar certo se ele continuar pegando no seu pé sobre suas saídas ao sábados à tarde.

 

4-A casa ta uma zona, as roupas estão todas para lavar, não tem mais nem um copo para beber a porra de uma cerveja no armário? Não esquente a cabeça: saia, compre uma roupa nova, aproveite páre no barzinho lá da esquina e tome uma breja.

 

5- Sua funcionária precisou faltar pelo terceiro dia seguido? Tá folgando. Publique agora um anúncio de emprego para substituí-la.

 

6- Seu colega de trabalho veio com uma calça linda que deixa a bunda dele totalmente aparente. Convide-o para jantar, hoje, aborde-o na máquina de xerox. Não esqueça de elogiar a roupa.

 

7- Viu um Iphone diferente e que custa R$ 20.000,00? Compre, sem culpa.

 

8- Não procure um parceiro muito inteligente ou ele vai acabar pegando muito no seu pé, te desafiando intelectualmente, ou seja, vai te dar mais problemas além de todos os que você já tem no trabalho. Mire nos bonitos e fúteis. Ao menos causam boa impressão entre as amigas.

 

9 – Nunca fale sobre seus sentimentos. Está tudo bem, sempre. E se não estiver, ninguém tem nada a ver com isso, seja firme, resolva tudo sozinha, como uma mulher deve fazer, mesmo que isso te cause um ataque cardíaco.

 

10 – Compre um daqueles aparelhinhos descartáveis para mijar em pé. Incline-se para frente na hora em que for fazer, é importante dar aos demais presentes a impressão de que o seu aparelhinho é MAIOR e melhor que o dos outros. E o chacoalhe, antes de jogar fora. Faça disso um ritual.

 

Vai vender horrores. Literalmente.

8 comentários

  1. Precisas de um alguém que te dê ainda mais exemplos? Acho que não, mas tenho MUITOS!!!!


  2. Aparelhinhos descartáveis para mijar em pé? Confesso que não consigo visualuzar o equipamento…


  3. Preciso casar com um “homem” destes…


  4. Acho que estou precisando deste livro. O aparelhinho pra xixi vem no kit?


  5. eu achei muito legal a idea mais sera que e uma boa? mudar o jeito que agente aje e pensa so p podermos ser iguais a eles? se for p ser iguais a eles eles vao perder a graca! o legal e a diferenca nem qu seja a ultima das moicanas.


  6. Oi Bellezinha, saudades

    Claro que não vale a pena, Belle! Tô tirando sarro justamente dessse afã inútil da mulher querer ser, cada vez mais, igual ao homem.

    Diferenças se completam. Sempre.

    bisous!


  7. tirando o mijar em pé, acho que consigo fazer tudo isso (algumas coisas eu até já faço). será que sou meio homem?


  8. Finalmente consegui ler uma mulher que assume publicamente que o feminismo é um movimento de masculinização da mulher. E eu acho ótimo, é muito bom estar com mulheres que não são “mulherzinhas”. Sem jogos, sem neuras, sem coreografias sociais para conseguir o que os dois querem. Por que levamos dez mil anos para chegar em algo tão obviamente bom?



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: